ÚLTIMAS NOTÍCIAS / Segurança

PM abre sindicância para esclarecer prisão após postagem no Facebook

Terça-feira, 26 de agosto de 2014


A Polícia Militar (PM) anunciou, nesta segunda-feira (25), a abertura de uma sindicância para apurar se houve abuso na prisão de um homem de Sarandi, no norte do Paraná, depois de uma postagem que ele fez criticando a corporação, na sexta-feira (22). O rapaz reclamou da abordagem dos policiais em uma blitz na cidade.

Na ocasião, a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) considerou a ação irregular, "abusiva e humilhante". Em um primeiro momento, o comandante da 4ª Companhia de Polícia Militar de Sarandi julgou que a ação foi normal, alegando que a prisão era necessária. A PM, no entanto, voltou atrás nesta sexta-feira e disse, por meio de nota, que a ofensa era caso para ser levado à Procuradoria do Estado ou ao Ministério Público.

Ainda de acordo com PM, o policial que se disse ofendido não representou contra o homem na delegacia — portanto, não há comprovação de crime, por ora. "À Polícia Militar, cabe a abertura de Inquérito Policial Militar (IPM) ou Sindicância para apurar as circunstâncias dos fatos e apurar responsabilidades. Ao funcionário público ofendido [o policial], cabe representar contra a pessoa que o ofendeu em uma delegacia", diz a nota.

O homem foi solto ainda na sexta-feira, depois de prestar depoimento. Ele disse que apenas omitiu opinião, sem ofender ninguém. "Eu respeito muito o trabalho de todo mundo, inclusive o dos policiais. Eu sou um cidadão de bem, não ofendi ninguém. Só cometi o erro de emitir minha opinião", disse, ao sair da delegacia.

Fonte: G1

 Outras Notícias

Horário de Atendimento:

 Segunda a Sexta-Feira, das 07:30 às 11:30 - 13 horas às 17 horas.